indirizzo portoghese

testi

recensioni

foto live

 
avanti

uirapuro

(Valdemar Henrique)

Certa vez de montaria,
Eu desci o paraná
E o caboclo que remava
Não parava de falar
Ô, ô, não parava de falar
Ô, ô, que caboclo falador!
Me contou do lobisomem,
Da mãe d'água e do tajá
E do jutaí que se ri pro luar,
Ô, ô, que se ri pro luar
Ô, ô, que caboclo falador!
Caboclinho meu amor,
Arranja um pra mim
Ando doida pra pegar
Unzinho assim
O danado foi-se embora
E não quis me dar
Vou juntar meu dinheirinho
Prá poder comprar
No dia que eu comprar
Esse danado vai sofrer
Vou desassossegar
O seu bem-querer
Ô, ô; seu bem-querer
Ô,ô; ora, deixa isso prá lá!



Home | Agenda | Dischi | Stampa | Bio | Foto | Video | Progetti | Extra | Guestbook e Forum | Links | Contatti | Credits
Patrizia su MySpace.com